A+ A- Acessibilidade
EnglishPortuguese
Buscar

Inteligência artificial é utilizada para espalhar desinformação

Um dos temas mais recorrentes em discussões sobre Inteligência Artificial são as implicações do uso dos deepfakes. Em decorrência da necessidade de treinar algoritmos com grandes bases de dados (imagens e áudios), personalidades públicas são um alvo recorrente para manipulação de conteúdos que disseminam desinformação.

O jornal ESTADÃO entrevistou Anderson Rocha, coordenador do Recod.ai e diretor do Instituto de Computação – Unicamp para conversar sobre o assunto. Anderson fez um alerta para a tendência de aperfeiçoamento dos deepfakes, o que exige de todos nós mais atenção e cuidado com o que encontramos na internet.

Segundo o professor, “é preciso ter senso crítico sobre os conteúdos. Tem que ver se a fonte é confiável ou se é apenas alguma informação de rede social.”

Acesse a reportagem na íntegra aqui.

EnglishPortuguese